iTAG e Brascol possuem o segundo maior case de RFID do mundo

acura automacao 2014 2

“Tenho a garantia de que o cliente vai receber exatamente o que comprou” Antônio Almeida, presidente do Grupo Brascol

 

Do primeiro case no Noroeste do Paraná, a iTAG, possuía até 2016, 40 implantações espalhadas pelo Brasil, parte da América Latina e Europa. O sucesso veio quando, ao inaugurar o primeiro em São Paulo,  Sérgio Gambim teve a oportunidade de fechar uma parceria com a Brascol – líder nacional em atacado de moda infantil.

Um dos grandes avanços da iTAG é a precisão com que se realiza o controle de estoque. Em apenas 20 minutos é possível fazer a leitura de até 1,9 mil peças e reduzir em até 28% os gastos com mão de obra. “O plano de implementação do RFID pareceu útil e, ainda que possuísse um custo elevado, tornou-se econômico, uma vez que apontou uma redução de 70% no tempo da movimentação da mercadoria”, comenta Antônio Almeida, presidente da Brascol.

Segundo Almeida, a tecnologia se mostrou tão eficaz que atualmente está implantada em todo gerenciamento da Brascol, desde a entrada da mercadoria, até a saída para as lojas. “A iTAG me dá a garantia de que o cliente vai receber justamente aquilo que pediu, nem mais nem menos”, explica o empresário. Hoje, a parceria iTAG/Brascol é dona do segundo maior case de RFID do planeta.