iTAG e Cheveste Technology investem na indústria uruguaia

Empresas trabalharão em sinergia com a abertura de birô comercial e showroom focado em soluções RFID

Por Renato Lopes

Trabalhando com o objetivo de integrar a solução de Identificação por Radiofrequência (RFID) para aprimorar a gestão e os processos, a iTAG Tecnologia e a Cheveste Technology firmam parceria estratégica para expandir seus negócios na América do Sul com a criação de um escritório no Uruguai até o fim de 2018.

A Cheveste Technology tem suas ações voltadas para a fabricação e comercialização de produtos de identificação, como acessórios, cartões, crachás e afins. As empresas trabalharão em sinergia com a abertura de um escritório seguindo o modelo showroom e um birô de impressão. Os serviços realizados serão voltados aos empreendedores que desejam investir em produtos e na solução RFID no Uruguai ou do Uruguai para o resto do mundo.

RFID é um termo genérico usado para descrever um sistema que captura e transmite dados de objetos por meio de ondas de rádio. Podemos destacar que o RFID é uma garantia de competitividade. A grande vantagem dos sistemas baseados em RFID é a velocidade de captura das informações atrelada com a segurança de ter uma identificação única por produto. A iTAG é considerada a primeira integradora do Brasil a gerar o código no padrão EPC Gen2, homologada pela Associação Brasileira de Automação (GS1 Brasil).

Atualmente, a iTAG Tecnologia possui escritórios, fábricas e representantes no Brasil, Paraguai, Portugal, Suíça e Taiwan, sendo responsável pelo 2º maior case de RFID no mundo, a iTAG considera viável o investimento na indústria uruguaia. Com a parceria estabelecida, Uruguai passa a ser o próximo passo no mercado externo.

“Acreditamos no mercado uruguaio, e ao estabelecer nossa parceria com o CH Group, temos certeza que conseguiremos atender as demandas solicitadas pelas soluções RFID da iTAG, tanto de clientes do país, quanto de projetos administrados pela iTAG no Brasil que possuem operações nos países da América Latina, explica Sérgio Gambim, CEO da iTAG Tecnologia.