A marca de moda feminina Lado Avesso, sediada em Maringá (PR), adotou a tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID) da iTag Etiquetas Inteligentes a partir deste ano, após um bem-sucedido período de testes em 2020. A partir de então, diz Veridiana Silva, gerente de Tecnologia da Informação (TI) da companhia, vários processos ganharam mais agilidade e total controle, com a implantação da RFID. “O uso do padrão GS1 está despertando o interesse de nossos clientes quanto ao uso da tecnologia RFID”.

O objetivo inicial para adoção da tecnologia foi a necessidade de agilizar os processos de entrega e de faturamento da companhia, além do rastreamento de produtos em sua cadeia de suprimentos (supply chain). “A melhora nos custos das etiquetas viabilizou o projeto para a gente”, explicou a executiva. “Iniciamos os testes no início de 2020 e viramos a chave de 2021 para 2021, quando todas as nossas empresas passaram a produzir e faturar por meio da tecnologia RFID”.

Veridiana concedeu uma entrevista exclusiva ao IoP Journal TV. Clique aqui e assista.

Palavras-chave: rfid para controle de estoque, rfid para localizar objetos, rfid para gado, rfid para eventos, rfid para pneus, rfid para que serve, rfid como funciona pdf, rfid como se usa, tarjeta rfid, rfid e codigo de barras, rfid e suas aplicações, rfid chip, rfid custo, rfid card, rfid carteira, rfid controle de estoque, rfid controle de acesso, rfid etiqueta, rfid estoque, rfid empresas, rfid em supermercados, rfid leitor, rfid logística, rfid longa distancia, rfid longo alcance, rfid label, rfid lavanderia, rfid valor, estoque como controlar, estoque como organizar

Soluções

Casos de Sucesso

Sobre Nós